Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

tu consegues fazer lindo

tu consegues fazer lindo

14
Fev17

Oh Rio, bom dia, boa tarde e boa noite

Lisié Champier

Rio.jpg

 

Histórias, tens para contar, a minha é uma delas. Segredos e desabafos te agraciam diariamente. Oh rio, vou cantar-te aquela música, pode ser? Desculpa, mas não sei outra…

Sigo de barco mirando tudo. Entre algas e correntes, furamos o caminho. Que brisa boa,…até os raios do sol, aquecem minha pele. Continuo viajando, vejo peixes e pássaros, uffah que qualidade de ambiente….

(Que bom me sentir assim. No outro, já nem se ouve o chilrear dos coitadinhos…estes, amam a natureza e não a poluição) …

Quero tanto saber mais sobre ti, meu rio. Um dia vou voltar atrás e chegar à nascente, colher desde o princípio essa energia que abre e tranquiliza minha alma… Predomino nessa áurea que quase levito. Se eu deixar, chego à foz! Meu coração vai contigo desaguar naquele oceano.

Oh rio, tu és o herói de todos, sabias? De ti recolhemos a água que nos abastece e sem ela, soluções seriam escassas. Permites áreas de várzeas boas para agricultura. O transporte por ti é o mais tranquilo e seguro. Por isso às tuas margens, seres se alegram.

És sereno de afluente à confluência. Não faz confusão. Pode ser? Deixa assim que está bom. Tens os teus pontos críticos, também já sabemos que o talvegue é o mais fundo. Não obrigada, não pretendo experimentar, ainda não nado muito bem…..

Texto de: Lisié Champier
Foto de Du Zupani (Rio Amazónia)
 
 
 
 

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D